Porque Deveria Ser um Designer de Interiores

Há mais de cinquenta anos que o mundo atravessa uma certa obsessão pela decoração de interiores e pelo “faça você mesmo”. Com a disponibilização de informação que a Internet e as redes sociais permitem, as revistas da especialidade foram substituídas (ou complementadas) por milhares de “sites” especializados, blogues e espaços de opinião.

Com tantos meios disponíveis, com tantas pessoas a fazer coisas por si próprias, valerá a pena investir tempo e dinheiro numa carreira de “designer” de interiores? Se existem milhares de “designers” de interiores que não conseguem trabalho na área, porque deveríamos apostar nesta carreira? Por duas razões:

Em primeiro lugar, porque existe trabalho para fazer, muito trabalho mesmo, mas este é muitas vezes atribuído a profissionais com experiência e reputação firmada no mercado. Mas então como pode um “designer” de interiores que acabou de terminar a licenciatura aspirar a ter sucesso contra tais competidores? Isso leva-nos à segunda razão.

Esta é uma área em que, se à partida tivermos talento natural e uma veia artística, com muitainterior-design dedicação e perseverança podemos construir uma carreira fenomenal.

Aproveite as redes sociais e a Internet e divulgue o seu trabalho. Se ainda está a estudar ou se já terminou o curso, crie um blogue ou uma página profissional e exponha lá o seu trabalho, ideias e projetos. Faça contactos e coloque-se à vista do mundo. Visite feiras e outros eventos da especialidade e fale com pessoas.

As relações interpessoais são de extrema importância num campo profissional em que a reputação se constrói com muito trabalho, mas também com a avaliação que os outros fazem dele. Se tivermos uma rede de conhecimentos alargada e produzirmos obras de excelência, mais cedo ou mais tarde o nosso trabalho será reconhecido e divulgado. Especialize-se para focar os seus esforços numa área específica. Crie a sua marca pessoal, facilmente identificável por colegas e eventuais clientes.

As oportunidades existem. Temos a certeza de que com a necessária dedicação conseguirá seguir o seu sonho de se tornar “designer” de interiores.